Compartilhar
Seconci Norte PR
Voltar

Sinduscon, Seconci e Secretaria Municipal da Saúde lançam campanha de prevenção à tuberculose

06/04/2018

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do Seconci Paraná Norte

A tuberculose é uma doença infecciosa e transmissível que afeta prioritariamente os pulmões, embora possa acometer outros órgãos e sistemas. No Brasil, a doença é um sério problema da saúde pública, com profundas raízes sociais. O alerta é da Secretaria Municipal da Saúde, que em parceria com Sinduscon e Seconci está lançando uma campanha para a detecção precoce da doença.


O principal sintoma da tuberculose é a tosse na forma seca ou produtiva. Por isso, recomenda-se que todo sintomático respiratório - pessoa com tosse por três semanas ou mais - seja investigado. Há outros sinais e sintomas que podem estar presentes, como febre vespertina, sudorese noturna, emagrecimento e cansaço/fadiga. A forma extrapulmonar ocorre mais comumente em pessoas que vivem com o HIV/Aids, especialmente entre aquelas com comprometimento imunológico.


A tuberculose é uma doença de transmissão aérea - ocorre a partir da inalação de aerossóis. Ao falar, espirrar e, principalmente, ao tossir, as pessoas com tuberculose ativa lançam no ar partículas em forma de aerossóis que contêm bacilos.


A tuberculose tem cura e o tratamento, que dura no mínimo seis meses, é gratuito e disponibilizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Para o diagnóstico da doença, o principal exame é a baciloscopia.

Objetivo da campanha


Conscientizar trabalhadores da construção civil sobre os principais sintomas da tuberculose e identificar possíveis casos de tuberculose.

Metodologia


A fisioterapeuta do NASF (Núcleo Ampliado a Saúde da Família) Michelle Moreira Abujamra Fillis, Mestre em Ciências da Reabilitação e Doutora em Saúde Coletiva pela UEL, explica que a metodologia consiste em palestra sobre causa e sintomas da tuberculose (5 a 10 minutos) seguida de aplicação de um questionário com sintomatologia sugestiva da doença: queixas respiratórias (tosse, expectoração, hemoptises, dor torácica ou dispnéia), história prévia de tratamento para tuberculose e outras doenças. O trabalhador responderá o questionário voluntariamente.


Após a compilação dos questionários, os trabalhadores que relatarem sintomas sugestivos de tuberculose serão submetidos à coleta do BAAR (exame de escarro), no local de trabalho. O exame será encaminhado para análise e os casos positivos serão direcionados à Unidade Básica de saúde para avaliação médica e tratamento.


As empresas que desejarem agendar a visita do profissional de saúde ao canteiro de obras devem ligar para o Sinduscon: 3327-6777.

Serviço Social da Construção Civil

© 2012 SECONCI Brasil - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Arte Digital Internet

Seconci Brasil